ÂNGULO PRODUÇÕES

ÂNGULO PRODUÇÕES
Serviço Profissional de Fotojornalismo e Vídeojornalismo - Informações Ligue (11) 2854-9643

sábado, 30 de abril de 2011

Poá perde o ex-prefeito José Massa

Por Adilson Santos
Faleceu hoje pela manhã, o ex-prefeito de Poá (SP) por duas vezes e empresário, José Massa

 Pai do vereador José Ricardo Massa, político atuante na cidade, o que fez com que diversos colegas, amigos, familiares, empresários, comerciantes e políticos da cidade, lamentasse sua partida para a eternidade. Entre eles, a vereadora Jeruza, que expediu nota a imprensa, lamentando o ocorrido.

De família tradicional de Poá, José Massa era empresário e, influenciado por um de seus irmãos, que também enveredou-se pela política, acabou filiando-se a um partido para concorrer às eleições a vereador. Anos mais tarde, já na Aliança Renovadora Nacional (Arena), Massa concorreu à prefeitura de Poá, tornando-se chefe do Executivo pela primeira vez em 1976. Com o término do mandato em 1979 e após um hiato de quase dez anos, o empresário retornou ao cenário político em 1988 como candidato a prefeito. Venceu a corrida eleitoral e cumpriu mandato até 1992.

A família, meus votos dos sinceros sentimentos neste momento de luto, mas como filho da cidade, pude ver que José Massa, contribui para o crescimento e progresso na cidade. Não somente no bairro do Perracine onde fui criado, mas em diversos outros bairros e centro da cidade.

José Massa, deixa história na cidade, homem que contribui para o seu desenvolvimento político, social e empresárial.

Fonte e foto: Jornalista Carla Fiamini

sexta-feira, 29 de abril de 2011

GCMs de Poá usam motos na Passarela de Pedestre

Ontem, por volta das 7h10 a cidadã Elizangela da Silva flagrou em uma passarela da cidade de Poá (SP), que liga a Avenida Vicente Leporace - Avenida Anchieta, na Vila Perracina, onde dois Guardas Civis em suas motos, trafegando pela passarela. Fato este que fez com que a cidadã registrasse em seu celular, e divulgasse pelas Redes Sociais.

Veja as fotos:

 



Enquanto isto na OAB

Logo em seguida, na Casa dos Advogados da subsecção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), acontecia uma reunião do Gabinete de Gestão Integrada Municipal (GGIM), e na pauta do encontro que contou com a presença do vice-prefeito, Marcos Borges, da Secretária de Segurança Urbana, Marlene de Sant’Anna, e de representantes de diversas secretarias e segmentos da sociedade.

A sociedade aguarda da Secretária Marlene, uma explicação para a sociedade, para uma explicação coerente e profissional, pois até onde foi possível obter informações, era um patrulhamento de rotina, mas fica o questionamento da sociedade, se é viável, tolerável e necessário, este tipo de prática pelos Guardas Municipais da cidade.

Cabe saber também, até onde existe uma fiscalização ou bom funcionamento da Corregedoria da Guarda Municipal, pois este blogueiro já fez denuncia formal, onde não obtive o resultado até hoje. Sou seja, pelo visto, não funciona.

Mas o que funciona, é o cidadão ficar de olho, pois já foi visto viaturas da Guarda fazendo compra e orçamento usando a viaturas em casas de tintas e ferragens, restaurantes, passarelas de pedestres,entre outros locais, onde o cidadão além da Pagar Impostos, tem que fiscalizar o serviço desta instituição pública.

Claro que este manifesto não é pessoal (onde quero deixar bem claro aqui, pois já sofri ataques em redes sociais por funcionário comissionado da Guarda Municipal), mas lá tem muitos bons profissionais, quiçá não seja a maioria. Mas estão sob ordens e comandos de seus superiores.

Com a palavra o Prefeito Municipal, a Câmara de Vereadores e suas Comissão de Segurança, e Secretária da Pasta.

Estamos encaminhando cópia para a Secretária Marlene (conforme divulgação do sítio do Governo de Póa), a qual aguardamos o seu manifesto.


Secretaria de Segurança
Secretária
Marlene de Sant’Anna
Tel 4634-3846
seguranca@poa.sp.gov.br
marlene.santanna@poa.sp.gov.br
R. Monteiro Lobato, 170  Centro – Poá –SP CEP 08551-100

Foto: Elizangela da Silva / Juliem Pereira/ Secom Poá

Secretária de Segurança de Poá Dra. Marlene Sant'Ana mostra mais uma vez competência em seu trabalho, e responde questionamento de munícipe. 

Veja a resposta abaixo


Senhor Adilson Santos.

Em respostas as mensagens alusivas às fotos das motocicletas da GCM atravessando passarelas na cidade de Poá, cabe a esta Secretária de Segurança, informar o seguinte:

Temos recebido diversos pedidos de policiamento próximo às passarelas da cidade, desde o inicio desta administração; posto que, segundo as informações, nossos munícipes tem sido vítimas dos chamados “piolhos”, marginais que ficam nas passarelas e cometem furtos contra os transeuntes, principalmente na parte superior delas.

Em face das reclamações de vários munícipes, as motocicletas da GCM, com Agentes capacitados e treinados neste mister, circulam em todas as passarelas da cidade de Poá visando inibir as ações delitivas.
Inobstante há Ordem de Serviço do Comandante da GCM para que diariamente, principalmente nos horários de pico e de maior movimento de pessoas seja intensificadas as rondas nas passarelas e nas suas adjacências.

Importante observar que as ações de passagem de viaturas nas passarelas tem previsão na lei de Trânsito nacional, qual seja, o Código de Trânsito Brasileiro – CTB, artigo 29, inciso VII( as  motos policiais gozam de livre circulação quando em policiamento/patrulhamento).

Com referência a reunião, citada por VSª que ocorreu na OAB Poá, a mesma iniciou-se as 10h00 e acontece uma vez por mês, desde março de 2010, em cumprimento as diretrizes de SENASP e PRONASCI,  reunindo as autoridades municipais locais e das cidades vizinhas, além de representante do Ministério da Justiça, membros daquela casa e das forças policiais.

Dela ainda participam como convidadas todas as forças vivas da sociedade, neste momento estende o convite a VSª, que poderá usar daquele fórum para questionamentos e sugestões.

Em todas as reuniões são enviados convites a todos os Nobres Edis de Poá, mas com pouca ou quase nula adesão.

No tocante as viaturas nas casas de ferragens, comércio, restaurante, casa de tintas, etc.,  cabe a elucidar que: nossa sede está passando por reconstrução e vez ou outra é necessário compra e pagamento de material de construção para a dita reforma,  inclusive reforma esta realizada também na  cozinha o que impede que a alimentação seja nela realizada, assim nossos Agentes são pessoas humanas,
e como todo ser humano precisa se alimentar, usam os restaurantes da cidade para adquirir seus “marmitex” .

Observe-se que o direito a alimentação além de sagrado é um direito fundamental sacramentado na CF/88 e na legislação trabalhista.

Era o que cabia a esta Secretária informar a respeito da indagações efetuadas na missiva ofertada por VSª
Ao azo coloca-se a inteira disposição para qualquer informação sobre nossos serviços.

Drª Marlene de Sant´Anna.


Elisangela da Silva informa, que motos da GCM estavam erradas, pois não era nenhuma emergência.

Obrigada Adilson pela postagem e obrigada Senhora Secretária pela resposta. Entretanto, tendo testemunhado a situação por duas vezes, e sendo autora das imagens em questão, gostaria de ressaltar alguns pontos:


  1. Primeiro quero dizer que respeito e admiro o trabalho da Senhora Secretária.
  2. Segundo que minha intenção em nenhum momento é de prejudicar ninguém, mas apenas de exercer meu direito de cidadã e defender aquilo que acredito ser correto.


Verifiquei o artigo do Código de Trânsito Brasileiro citado pela Secretária e me permita reproduzi-li aqui:
VII - os veículos destinados a socorro de incêndio e salvamento, os de polícia, os de fiscalização e operação de trânsito e as ambulâncias, além de prioridade de trânsito, gozam de livre circulação, estacionamento e parada, quando em serviço de urgência e devidamente identificados por dispositivos regulamentares de alarme sonoro e iluminação vermelha intermitente, observadas as seguintes disposições:

a) quando os dispositivos estiverem acionados, indicando a proximidade dos veículos, todos os condutores deverão deixar livre a passagem pela faixa da esquerda, indo para a direita da via e parando, se necessário;

b) os pedestres, ao ouvir o alarme sonoro, deverão aguardar no passeio, só atravessando a via quando o veículo já tiver passado pelo local;

c) o uso de dispositivos de alarme sonoro e de iluminação vermelha intermitente só poderá ocorrer quando da efetiva prestação de serviço de urgência;

d) a prioridade de passagem na via e no cruzamento deverá se dar com velocidade reduzida e com os devidos cuidados de segurança, obedecidas as demais normas deste Código;

Vemos então que a as motocicletas da GCM não entram em nenhuma das categorias, pois não eram em questão veículos destinados a socorro de incêndio ou salvamento, nem de polícia, nem de fiscalização e operação de trânsito e nem ambulâncias.

Caso se encaixassem em uma destas categorias, ainda assim não estavam agindo corretamente, pois não tinham qualquer alerta luminoso ou sonoro ligado.

Sei da importância de haver um patrulhamento nas passarelas pois sei da priculosidade das mesmas. Pessoas que conheço já foram assaltadas na passarela onde os agentes da GCM passaram, mas nenhuma delas foi assaltada em horário de maior movimento, mas sim quando a mesma se encontra com pouco ou nenhum movimento.

Outra coisa a ser dita é que os agentes da GCM atravessaram a passarela e quando chegaram do outro lado estacionaram suas motos e lá ficaram vendo o movimento de lá de baixo. Por que então não fazer um ronda a pé e verificar se não há ninguém suspeito ou se alguém está em perigo.

Em um outro momento Senhora Secretária, eu estava atravessando a passarela com meu filho e tive que parar para dar passagem para as motos. Uma passou do meu lado, desviando e se equilibrando para não cair nem me atingir e a outra freou bem na minha frente e do meu filho de apenas 6 anos. Grande exemplo que ele viu, pois me questionou se ali podiam trafegar motos.

Zelar pela segurança de nossa cidade é essencial e sei que é isso que a Secretária está fazendo na liderança destes agentes. Talvez falte um pouco mais de respeito e comprometimento destes últimos em exercer suas funções.

Elisangela da Silva - cidadã poaense desde 1975.
Elis"Carpe Diem"



Passos da Paixão 2011 - Associação Cultural Opereta - Fotos Para Imprensa - 22-04-2011

Fotos Para Imprensa - Passos da Paixão 2011
Associação Cultural Opereta / 22-04-2011 







CONCEPÇÃO E REALIZAÇÃO
ASSOCIAÇÃO CULTURAL OPERETA
CNPJ 00.367.883/0001-72
Fundação: 30/07/1994
Utilidade Pública Municipal: Lei 2436/94
Endereço: Rua Dr. Emílio Ribas, s/nº
Vila Sopreter
Poá – SP
Fone: (11) 4638-2700
Blog: www.acopereta.blogspot.com
Twitter: @acopereta
E-mail: acopereta@gmail.com
Facebook: http://www.facebook.com/pages/Associa%C3%A7%C3%A3o-Cultural-Opereta/272824816086746
Flickrhttp://www.flickr.com/photos/8985967@N06/sets/72157629261897898/



quarta-feira, 27 de abril de 2011

Fotos do Passos da Paixão 2011 - Associação Cultural Opereta Poá - Fotos para a Imprensa

Passos da Paixão 2011 - Fotos Para Imprensa

Secretário de saúde de Poá Dr. Ali Sami El Kadri recebe ato de Repúdio, após demitir 11 funcionários da Saúde Mental

O médico Dr. Ali Sami El Kadri CRM: 67.944 - que ocupa a pasta da Secretaria de Saúde de Poá (SP), recebeu um ato de REPÚDIO da AME Associação Mente em Expansão.

De acordo com informações que chegaram à Câmara Municipal, na segunda-feira 11 profissionais concursados da Secretaria Municipal de Saúde foram demitidos sem justa causa. A decisão partiu do secretário Ali Sami El Kadri.

Segundo os funcionários, eles estariam sendo vítimas de uma espécie de perseguição. Alguns, por defenderem melhores condições de trabalho, já que até pertences pessoas, como computador, por exemplo, estariam utilizando para funções dentro da pasta.

Entre os 11 profissionais desligados estão uma fonoaudióloga, duas psicólogas, quatro enfermeiras e quatro assistentes sociais, lotadas no Programa de Saúde Mental de Poá, em Unidades Básicas de Saúde (UBSs), no Centro de Atenção à Saúde do Idoso (Casi) e no Programa de Planejamento Familiar da cidade. Desesperados com o desemprego repentino, alguns dos colaboradores demitidos foram até a Câmara de Poá ontem participar da sessão e solicitar ajuda aos vereadores.

Os vereadores Jeruza Lisboa Pacheco Reis, a Dra Jeruza que chamou Ali de super secretário, e Fernando Rodriguez Molina Júnior, o Júnior da Locadora, cobrou providências, e se colocaram a disposição dos ex-funcionários.

VEJA NOTA DE REPÚDIO

Clique para ampliar



Telefone da Secretária de Saúde só dá ocupado


O telefone que esta no sítio da Prefeitura de Poá, onde tentei por diversas vezes ligar, para conversar com o secretário só dá ocupado, como já denunciado por este blogueiro.


Veja abaixo o que é divulgado no site oficial do governo municipal.



Secretaria de Saúde
Secretário
Ali Sami El Kadri
Tel 4638-2505
saude@poa.sp.gov.br
ali.elkadri@poa.sp.gov.br
R. Barão de Jú Paraná, 43  Jd. Medina – Poá –SP CEP 08556-230

Fonte: http://je.inf.br/noticias/ver.php?noticias_id=9038&categoria_id=39 / Foto: Sítio da Prefeitura de Poá



No final da tarde de ontem, como não consegui falar com o Secretário de Saúde, liguei para o Secretário de Governo Geraldo Oliveira, onde informei que se possível for, solicitasse ao secretário de saúde para retornar a ligação, para que ele pudesse se manifestar, e enviar via e-mail o seu ponto de vista.


Geraldo disse naquele momento estava alia Secretária de Assuntos Jurícos Dra. Erivânia, a qual é esposa do Dr. Ali, onde me explicou com vários termos técnicos, sobre a questão. Informei a ela para avisar ao Dr. Ali, que estamos no aguardo de retorno dele por e-mail, de sua declaração, sobre o assunto em tela.


Informei também, que este blogueiro por outras vezes já enviou via e-mail reclamações da Secretaria de Saúde de Poá, mas nunca é dado um retorno.




A T O    P Ú B L I C O - CONVITE


Venha participar do ato público em defesa das 11 funcionárias 
do Ambulatório de Saúde Mental e das Unidades Básicas de 
Saúde da Prefeitura de Poá que por perseguição, estão sendo demitidas.


Local: em frente a Prefeitura Municipal
Data: 29 de abril às 10h
Organização: Conselho Municipal de Saúde - Sindicado da Saúde e AME
(Associação dos usuários e familiares de saúde mental)

Es el amor - Alex Campos

Es el amor - Alex Campos from CanZion on Vimeo.

terça-feira, 26 de abril de 2011

Prefeito Jorge Abissamra no CQC - Isto me faz lembrar Jânio Quadros

O Proteste Já, quadro do Programa CQC da TV Bandeirantes, teve como reportagem, a rua mais esburacada do Brasil.

Analisando e observando o modo em que o prefeito de Ferraz de Vasconcelos (SP) Jorge Abissamra (PSB) mostra descontração na matéria, no meu entendimento, penso que a coisa já estava meio orquestrada.

Assista no vídeo abaixo.




Tal atitude acima, me faz lembrar a história já ouvi dizer de Jânio Quadros, de que quando queria chamar atenção da imprensa, colocava farinha caída no paletó, onde pensavam ser caspa, mas Jânio chamava a atenção da imprensa pra si, sendo o foco das atenções.

Se fosse mesmo o CQC um programa sério e de credibilidade, poderia explicar o motivo da gravação que foi feita em Poá após uma denuncia onde a Prefeitura alugou um imóvel na cidade, para ser ocupada pelo Ciretran, mas ficou por diversos meses sem uso.

Fica difícil entender até onde vai o jornalismo, e onde começa o humorismo.

Ao povo - Pão, Circo e uma tremenda Carga Tributária.

Veja o vídeo:




Agora tire suas conclusões.

segunda-feira, 25 de abril de 2011

Entidades civis lançam campanha pela democratização da internet no país


Por Sabrina Craide
Repórter da Agência Brasil

Brasília - Um grupo de cerca de 40 organizações da sociedade civil e ativistas está lançando hoje (25), em diversas cidades brasileiras, a campanha "Banda Larga É um Direito Seu!" para conscientizar a população sobre a importância de ter uma internet barata, de qualidade e para todos.

O manifesto divulgado pela campanha defende que o acesso à internet é essencial, e a banda larga deve ser um direito de todos, independentemente de sua localização ou condição socioeconômica. “A internet incrementa a produtividade e gera riquezas, sendo fator de distribuição de renda e de redução de desigualdades regionais”.

As entidades reconhecem a relevância das metas e políticas propostas pelo Plano Nacional de Banda Larga (PNBL), mas garantem que é preciso avançar no debate. “É necessário que se faça uma vigília permanente para que as políticas de banda larga estejam pautadas no interesse público, o que já sofre reveses”.

Segundo as entidades que organizam a campanha, a banda larga no Brasil é cara, lenta e para poucos e é preciso pressionar o Poder Público e as empresas para mudar essa situação. Entre as propostas da campanha está a efetiva participação da sociedade civil no processo de inclusão digital, a prestação do serviço de banda larga sob regime público, a gestão pública das redes para garantir a igualdade entre provedores e o ingresso sustentável de novos agentes, a ampliação da definição de parâmetros de qualidade da banda larga e o apoio à cultura digital.

Entre as entidades que assinam o manifesto estão a Intervozes – Coletivo Brasil de Comunicação Social, a Associação Brasileira de Radiodifusão Comunitária (Abraço), a Associação das Rádios Públicas do Brasil (Arpub), o Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação e o Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec). A campanha será lançada na noite de hoje, simultaneamente em São Paulo, no Rio de Janeiro, em Salvador, em Campo Grande e em Brasília.

sábado, 23 de abril de 2011

PARABÉNS Associação Cultural Opereta de Poá pelo Passos da Paixão 2011

Através da foto abaixo, quero parabenizo a Associação Cultural Opereta de Poá (SP), onde através desta foto, do personagem que representa Jesus Cristo, parabenizo todas as pessoas que participaram, sejam elas ator, diretores, voluntários e colaboradores, que apresentaram uma belíssima apresentação no Parque do Povo na Vila Romano em Poá.

O evangelho segundo o twitter

segunda-feira, 18 de abril de 2011

RÁDIO NOTÍCIAS - Campanha do desarmamento começa no próximo dia 6 de maio em todo país

A campanha é parecida com a anterior mas desta vez, o cidadão que devolver qualquer arma de fogo, não terá que se identificar para receber a indenização que varia de R$100 a R$300. Na hora em que for entregue, a arma será quebrada, para garantir ela não voltará para as ruas.


Click e ouça:






Fonte: Rádioagência Nacional

Denuncia de irregularidade no Trecho Norte do Rodoanel - Veja denuncia de Eitor Bastos

Denuncia de irregularidade no Trecho Norte do Rodoanel - Veja denuncia de Eitor Bastos

Assista e tire suas conclusões.

Ou faça como eu, envie um e-mail a Fundsolo, e pergunte se esta tudo ok - fundsolo@fundsolo.com.br




Roberto Rocha, um poensse exemplo de vida, luta, conquista e vitórias. Um cidadão Poaensse, agora, cidadão do mundo.

Na edição 1495 no dia de ontem do Diário do Alto Tietê, li uma matéria que fala de um poaensse, que é um exemplo de vida. Mais um cidadão que podia ter tomado outros rumos, afinal, quantos filhos a cidade já perdeu, mas Golfino mostrou que ainda existe solução.

Republico a matéria aqui no meu blogue, em homenagem a este grande cidadão poaensse Roberto Rocha.

A mídia em tela, meus agradecimentos por reconhecer este filho de Poá, agora, cidadão do mundo.





Outro mundo possível
O choque sofrido ao ver o filho armado deu uma reviravolta na vida de Roberto Rocha. Ele deixou a malandragem para puxar carrinho de papel nos trechos da vida. Assim, ele conheceu a reciclagem que o abriu as portas para um outro mundo
Vivian Turcato
De Poá
Daniel Carvalho
Perfil

Nome: Roberto Rocha
Idade: 36 anos
Estado Civil: Casado
Frase: "Do lixo à cidadania"
Imagine uma carcaça de geladeira. Duas rodas e dois cabos. Com este "carrinho" improvisado o catador de lixo Roberto Rocha começou a sua trajetória que está muito longe de chegar ao fim. Do dia que viu seu filho, com dois anos de idade, com uma arma na mão durante uma festa na sua casa até hoje, muita coisa aconteceu na vida deste poaense, que já conheceu mais de 15 países graças ao lixo. Rocha ajudou a fundar a Cooperativa de Reciclagem Unidos pelo Meio Ambiente (Cruma) que hoje conta com 60 cooperados, atua em 18 bairros, atendendo a aproximadamente dez mil residências, fazendo a coleta seletiva na cidade, coletando em média 80 toneladas mensais de material reciclável.

Além disto, ele também é um dos cinco articuladores do Movimento Nacional dos Catadores de Materiais Recicláveis (MNCR), que conta com 85 mil filiados em todo o Brasil. Ele consegue ter tempo ainda para presidir a rede de cooperativas Cata Sampa. Nesta entrevista, Rocha explica a importância do trabalho em conjunto para superar as dificuldades e os preconceitos na vida dos catadores de lixo reciclável. E resume toda sua história assim: "bastou acreditar que era possível".


Diário do Alto Tietê: Como surgiu a ideia da Cruma?
Roberto Rocha:
 Ele é um projeto de um conjunto de catadores que, por conta da exploração que tínhamos na hora de vender o material em ferro velho, a gente se uniu para sair daquele processo de exploração. No inicio, a gente nem sabia direito o que fazer, não sabíamos o que envolvia o nosso trabalho de uma maneira geral, assim como sabemos hoje. Queríamos coletar material e que de alguma forma fosse melhor comercializado para melhorar a nossa renda. A gente tinha um amigo que contava com um terreno da família dele, na Vila Varela, e tinha um espaço que ele nos emprestou para deixar o nosso material. Aí a gente começou a entender como era. Só que não sabíamos o que queríamos, só que a forma de trabalho teria que ser coletiva. Sem ter um dono. Na ironia do destino, estava fazendo uma coleta e encontrei o jornal "O Trecheiro", feito em São Paulo, para os moradores de rua e catadores de lixo, que falava de uma cooperativa que ficava em Pinheiros, a Coopemar (Cooperativa dos Catadores de Materiais Recicláveis da Região Oeste), a primeira do Brasil de catadores de lixo. Mostrei aos amigos e achamos legal. Aí, começou todo o processo. Varava estação de trem para conhecer o trabalho do pessoal, porque não tinha dinheiro para a passagem. Até que entramos na questão de formar uma cooperativa. Discutimos o nome, e o vencedor foi Cruma. Começamos esta empreitada e teve toda dificuldade burocrática para constituir a cooperativa, o que não foi nada fácil. Não foi tão simples, foi tudo na raça e com muita ajuda de Deus.

DAT: Com tantas dificuldades, como conseguiram montar toda esta estrutura atual?
Rocha:
 Na verdade foi mais uma ironia do destino. Quando a gente foi para conhecer esta cooperativa, estava para iniciar o primeiro curso de formação para catadores no Brasil. Fui convidado para participar e comecei a criar amizade na área e entender um pouco do processo. Na verdade, esta formação foi o que me despertou para o entendimento do nosso trabalho. Nessa época ainda tinha muito preconceito contra o catador de lixo. As pessoas viam como uma coisa que fosse o que poderia ser a última coisa que uma pessoa tinha para fazer na vida. Tinha muita discriminação, fizemos este curso e para mim isto deu uma despertada, como o espinafre para o Popeye (risos). A primeira coisa que comecei a entender é que este trabalho que exercemos, em primeiro lugar, é igual a qualquer outro e, em segundo, é uma atividade de muita relevância. Uma vez que você está fazendo educação ambiental, tirando resíduos que poderiam ir para um aterro sanitário, então este entendimento fez que a gente começasse a trabalhar em dois campos. Um com a prefeitura para implantar a coleta seletiva na cidade, porque a gente não estava fazendo nada de errado, pelo contrário, estamos contribuindo, e isso nos fortaleceu bastante. Outra coisa foi a parte de trabalho, eu queria conhecer mais as experiências no Brasil. Eu conhecia algumas pessoas da Igreja Católica e comecei a conhecer a realidade no Brasil.

DAT: Qual a relação do Programa Nacional do Meio Ambiente (PNMA) com a Cruma?
Rocha:
 Eu conheci o coordenador deste programa e conseguimos articular que o PNMA na nossa região (Poá, Ferraz de Vasconcelos, Biritiba Mirim e Salesópolis) fosse revertido para o que é hoje. Então em todos os municípios tem um galpão como este (o galpão do Cruma conta com 2 mil metros quadrados e capacidade para 250 toneladas), entre vários outros pontos que o programa federal abrange. Conseguimos um caminhão, uma balança e uma prensa há seis anos. Depois por conta do processo de articulação formamos o Movimento Nacional dos Catadores, do qual fui um dos fundadores, e o então presidente Lula começou a se encontrar conosco todo final de ano em São Paulo. E isso ajudou bastante porque conseguimos criar linhas de financiamento para as cooperativas, o que nunca houve no Brasil. Agora temos financiamento do Banco Nacional de Desenvolvimento Social (BNDES), financiamento da Petrobras, do Banco do Brasil, para formação, para capacitação e para meios de trabalho.

DAT: Quanto um cooperado da Cruma recebe mensalmente?
Rocha: 
A gente já teve várias fases na cooperativa. Já houve uma época em que a gente recebia R$ 50 por mês. A gente tinha muita solidariedade entre nós. Tenho muita saudade desta época. A gente dividia o dinheiro entre todos para ninguém ficar sem, uma coisa muito bacana. Era muito pouco o que a gente recebia. Passou outro momento que a gente começou a organizar melhor, porque começamos a ter custos que precisam ser pagos. Nesta fase a gente vendia, tirava as despesas e rateava o total em partes iguais de acordo com a proporção de trabalho de cada um. Hoje, trabalhamos com metas de trabalho. Porque aumentou muito a demanda de entrada de material e as despesas também. A gente precisa ter uma meta de ganho, que é acima do salário mínimo. Então, um cooperado ganha em torno de R$ 600 mais uma cesta-básica. O nosso processo operacional está começando a ser profissionalizado então o vínculo da solidariedade está se perdendo um pouco. Você tem que exigir meta e isso é um trabalho muito difícil para mim e para os mais antigos, porque é um momento que começa a exigir muito da gente.

DAT: Quem são os clientes da cooperativa?
Rocha:
 Boa parte para indústrias da região. Para papeleiras e grandes aparistas, temos critérios para vender para uma empresa. A gente não vende para quem não emite certificado ambiental que demonstre de fato que está fazendo o ciclo da forma correta. Antigamente a gente vendia para qualquer um.

DAT: Como se tornou um catador de lixo?
Rocha:
 Eu vim do movimento Hip Hop, minha esposa também. A gente não tinha muita chance. Eu tinha muita tendência para a malandragem e uma vez teve uma festa em casa e meu filho estava com uma arma na mão. Aquilo me deu um choque. Ele poderia morrer por uma burrada minha. Decidi sair dessa vida. Peguei uma carcaça de geladeira e fui para a rua catar papel. Hoje, é interessante, tudo para mim é questão de destino. Conheci já 15 países por conta do meu trabalho. Só bastou acreditar que era possível.


sábado, 16 de abril de 2011

Rede Brasil Atual transmite encontro de blogueiros progressistas de São Paulo

O primeiro Encontro Estadual de Blogueiros Progressistas de São Paulo começou nesta sexta-feira. No sábado, a partir das 9h, os debates começam direto do auditório Franco Montoro da Assembleia Legislativa, com transmissão ao vivo da Rede Brasil Atual e da TVLD.


O evento reúne autores de blogs, tuiteiros e comunicadores independentes do estado para discutir questões relacionadas à mídia, ativismo na internet, questões jurídicas, entre outros pontos.

Os deputados federais Luiza Erundina (PSB-SP) e Brizola Neto (PDT-RJ) e o deputado estadual Antonio Mentor (PT) confirmaram presença. Haverá ainda intelectuais e jornalistas, como Laurindo Leal Filho, Sérgio Amadeu e Bia Barbosa.

Assista ao vivo pelo link: http://www.redebrasilatual.com.br/multimidia/blogs/blog-na-rede/rede-brasil-atual-transmite-encontro-de-blogueiros-progressistas-de-sp



Clique aqui para acessar a programação completa.
http://encontrosp.blogspot.com/2011/04/i-encontro-de-blogueiros-progressistas_12.html

1º Encontro Estadual dos Blogueiros Progressistas do Paraná - 11/04/2011

sexta-feira, 15 de abril de 2011

Lilás, não fará parte das cores oficias de Poá (SP)


Lilás, não será cor oficial da cidade de Poá

Após um movimento democrático pelas Redes Sociais, com militancia deste cidadão e blogueiro, a cor Lilás, não fara parte das cores oficiais de Poá (SP).

Com uma hora de atraso na sessão, os vereadores a pedido do presidente Deneval Dias do Nascimento, voltaram atrás, e tiraram o lilás como cor oficial da cidade, prevalecendo as cores do Brasão - verde, amarelo, azul e branco.

Só não vê quem não quer que hoje, a internet com suas redes sociais, podem ser usadas para o bem do povo. Esta provado.





Mais tarde posto mais detalhes, pois já pratiquei cidadania, agora vou ganhar o pão de cada dia.

quinta-feira, 14 de abril de 2011

Deneval quer que a cor lilás seja oficial da cidade, juntamente com verde, amarelo, azul, branco


A Câmara de Poá (SP) poderá alterar a legislação municipal para fixar as cores e o símbolo oficiais da cidade. A proposta foi apresentada ao plenário do Legislativo, durante a sessão ordinária da última terça-feira (12/04), na forma de um projeto de emenda à Lei Orgânica do Município. O texto é de autoria do presidente da Casa, vereador Deneval Dias do Nascimento (PRB), e foi assinado pela maioria dos parlamentares poaenses, conforme informou a assessoria de imprensa da casa.

O projeto acrescenta dois novos parágrafos ao quarto artigo da Lei Orgânica. A primeira alteração proposta pelo texto determina que as cores oficiais do município de Poá passam a ser: verde, amarelo, azul, branco e lilás. Elas deverão ser utilizadas na pintura dos prédios e demais equipamentos públicos municipais, não importando a ordem cromática.

A propositura ainda determina que o símbolo oficial do município de Poá passará a ser a orquídea Cattleya loddigesii.

Lilas, é a cor de campanha de Deneval

Tal fato da cor lilás estar sendo proposta pelo vereador Deneval, esta sendo motivo de discussão tanto em redes sociais, como em diversos locais da cidade, onde as pessoas estão comentando, que esta é a cor, junto com a flor, que o vereador usa em suas campanhas eleitorais.

Agora como presidente da Câmara, onde amanhã as 9h00 o assunto será votado, Deneval tem tudo para poder levar sua ideia adiante, onde a maioria dos vereadores, são a base do governo executivo.

Fica então a pergunta no ar. Esta é a vontade da maioria da população?

Não cabe aqui uma Audiência Pública?

Ou seria de boa valia fazer um referendo popular!

Vem na minha mente, o dia em que o Deneval Dias foi eleito presidente da Câmara para este biênio 2011/2012, onde o lilás tomou conta do ambiente, gravatas, flores, e até a vereadora hoje vice-presidente Jeruza Lisboa Pacheco Reis (PTB), estava agraciada e vestida com a cor.


Veja a pauta da Sessão para o dia 15 de abril de 2011

A Câmara de Poá realiza, amanhã (15/04), a partir das 9 horas, a 6ª sessão extraordinária.

Segue a pauta:

ITEM I – Segunda votação e redação final do projeto de lei 016/2011, de autoria do Executivo. Dispõe sobre a criação da Orquestra Jovem da Prefeitura de Poá.

ITEM II – Primeira discussão e votação do projeto de emenda à Lei Orgânica, de autoria de todos os vereadores. Acrescenta os parágrafos 1º e 2º ao artigo 4º da Lei Orgânica. Fixa as cores e o símbolo oficial do município de Poá.

ITEM I – Única discussão e votação da moção 002/2011, de autoria dos vereadores Jeruza Reis, Deneval Dias e outros. Assunto: Moção de repúdio à declaração do secretário estadual de Saúde em negativa à instalação de clínicas para dependentes químicos.



Passos da Paixão 2011 em Poá (SP)

Pelo 12º ano consecutivo, a Associação Cultural Opereta apresentará o Passos da Paixão, um grandioso espetáculo ao ar livre encenado na região do Alto Tietê.

O evento acontecerá no próximo dia 22, Sexta-Feira Santa, na Avenida Vicente Leporace - Parque do Povo, em Poá (SP).

A expectativa é que 15.000 pessoas prestigiem a tradicional apresentação que encena a Vida, Paixão, Morte e Ressurreição de Cristo.

A direção artística e coordenação geral é da Cia. Teatro Roda Mundo e participam da edição 2011 cerca de 50 atores, 30 técnicos e dezenas de voluntários.

Serviço:
Informações:
(11) 4638-2700 / 7146-6376 / 9318-8001
Blog: http://www.acopereta.blogspot.com/

Click na foto abaixo para ampliar

Maioria dos aeroportos de cidades-sede da Copa não estará pronta até 2014, alerta Ipea


Veja o que foi divulgado a pouco pela Agência Brasil, ou seja, que pouca vergonha, pois o país, em vez de aproveitar a Copa do Mundo para melhorar a renda do Brasil, mostra sua incopetência no setor aeroportuário, pois  NÃO TEREMOS OS AEROPORTOS PRONTOS PARA RECEBER OS TURISTAS. E tem local que pode demorar até sete anos para poder ter as obras concluídas completamente.


Alex Rodrigues
Repórter Agência Brasil

Brasília - As obras de ampliação de nove dos 12 aeroportos em funcionamento nas 12 cidades que sediarão os jogos da Copa do Mundo de Futebol de 2014 não deverão ser concluídas até o início do evento. Segundo o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), fundação vinculada à Secretaria de Assuntos Estratégicos da Presidência da República, a situação é preocupante. A demora nas obras também já motivou críticas do presidente da Federação Internacional de Futebol (Fifa), Joseph Blatter.

De acordo com os responsáveis por uma nota técnica divulgada hoje (14), em Brasília (DF), considerando-se os prazos médios para elaboração de projetos, obtenção de licenças obrigatórias, realização de licitações públicas e início do serviço, “muito provavelmente não será possível concluir a maioria das obras de expansão dos terminais aeroportuários até a Copa de 2014”.

Segundo o Ipea, além dos nove terminais já em operação, o novo aeroporto de Natal (RN), que ainda está em construção, também não deve ficar pronto antes de junho de 2014.

De acordo com os técnicos do Ipea, uma obra de infraestrutura em transportes leva em média 92 meses para ficar pronta, ou seja, mais de sete anos. Assim, com base em informações sobre a atual situação de cada aeroporto, fornecidas pela Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), os técnicos do Ipea estimam que as obras dos aeroportos de Manaus (AM), Fortaleza (CE), Brasília (DF), Guarulhos (SP), Salvador (BA), Campinas (SP) e Cuiabá (MT), todos ainda em fase de elaboração de projeto, não estarão prontas antes de 2017.

Nos aeroportos de Confins (MG) e de Porto Alegre (RS), embora o projeto de reforma já esteja pronto, as obras devem demorar cerca de seis anos e meio para serem concluídas.

“Para nós, há tempo hábil para que os investimentos necessários em pistas, pátios e nos terminais provisórios sejam feitos até 2014. Nossa preocupação maior é com os investimentos mais complexos, ou seja, nos terminais [permanentes] de passageiros”, afirma o técnico de planejamento e pesquisa do Ipea, Carlos Campos, um dos responsáveis pelo estudo.

O aeroporto de Curitiba (PR), diz a nota técnica, teria condições de receber os jogos desde que  “tudo dê certo e as obras começassem em janeiro deste ano”. De acordo com o site da Infraero, os projetos de ampliação do pátio e da pista de táxi, apresentados pelas construtoras que disputam o serviço, ainda estão sendo analisados, assim como as planilhas dos projetos de ampliação do terminal de passageiros. Já o Galeão (RJ), que está em obras, encontra-se em uma situação considerada adequada. Mesmo caso de Recife (PE), onde a previsão é de que seja construída apenas uma torre de controle.

Procurada pela reportagem, a Infraero afirmou desconhecer o teor do estudo e não quis comentar as conclusões. A assessoria da estatal limitou-se a afirmar que o cronogramas de obras da empresa está sendo cumprido. Procurado pela Agência Brasil, ontem (13), o Ministério do Esporte também não comentou a pesquisa do Ipea.

terça-feira, 12 de abril de 2011

RÁDIO NOTÍCIAS - Ministério da Justiça antecipa Campanha Nacional do Desarmamento


O lançamento da campanha será no próximo dia 6 de maio e o governo está avaliando formas de indenizar quem entregar as armas. Na última campanha foram devolvidas mais de 40 mil armas, mas estima-se que haja 14 milhões e meio em circulação no país.





Click e ouça:



domingo, 10 de abril de 2011

Poá tem que vestir a camisa do Desarmamento


Em 2005, em um referendo que perguntava “O comércio de armas de fogo e munição deve ser proibido no Brasil?”, 63,94% dos brasileiros disseram não ao desarmamento contra 36,06% que votaram pelo fim do acesso às armas.

Perante a tragédia que aconteceu no dia 7 de abril de 2011 na Escola Municipal Tasso da Silveira, em Realengo, zona oeste do Rio de Janeiro, que foi destaque na imprensa do país e do mundo, tem ser falado muito no tema desarmamento.

A cidade de Poá, não pode ficar fora deste debate, pois no quesito segurança, isto envolve toda a sociedade, e como seres inteligentes, temos que usar a mesma para poder aproveitar o tema, e começar a discutir o tema.

Sendo assim, fica aqui a sugestão, para no próximo sábado dia 16 de abril, a cidade faça uma Marcha, onde políticos, autoridades, entidades, comerciantes, industriais, ou seja, a sociedade em geral, vista a camisa branca pela Paz.

O roteiro sugerido fica aqui a ideia de sair da Praça da Bíblia, até a igreja Matriz de Poá.


----------------------------------------------------------------------------------------------

Veja notícia veiculada no Portal R7 Notícias

Começa semana de “desarmamento infantil” na zona sul de São Paulo

Crianças serão estimuladas a entregar armas de brinquedo durante campanha


Começa nesta segunda-feira (11), na zona sul de São Paulo, a primeira campanha de “desarmamento infantil” da capital paulista. Organizada pela Polícia Militar de São Paulo em parceria com a ONG Sou da Paz e a prefeitura, a semana tem como objetivo conscientizar crianças e adultos sobre os perigos das armas de fogo.

Até a quinta-feira (14), a polícia irá receber armas de brinquedos entregues por crianças e adultos na região do M’Boi Mirim. As entregas poderão ser feitas, das 8h às 22h, em cinco postos instalados nas bases comunitárias dos jardins Ângela e Ranieri, as bases móveis de Piraporinha, do Cemitério São Luís e da Guarda Civil Metropolitana, e na Inspetoria Regional do M'Boi Mirim. Segundo a ONG Sou da Paz, o CIC (Centro de Integração e Cidadania) Sul e algumas escolas públicas e particulares também irão participar da campanha de arrecadação.

Em troca das “arminhas”, as crianças receberão presentes e um panfleto que deverá ser entregue a seus pais e parentes falando sobre a importância da entrega das armas de verdade.

Na sexta-feira (15), o encerramento da campanha será realizado, das 10h às 13h, na Casa de Cultura do largo do M’Boi Mirim. Durante o evento, crianças transformarão as armas recolhidas pela campanha em uma instalação artística.

Desarmamento 
Ainda de acordo com a ONG, embora os distritos do Jardim Ângela e do Jardim São Luiz, que respondem à Subprefeitura M’Boi Mirim, tenham apresentado redução nos índices de homicídios nos últimos dez anos (83% e 77%, respectivamente), os índices de assassinatos nessas regiões ainda são muito altos. No Jardim Ângela, são registrados 15,7 homicídios a cada grupo de 100 mil habitantes, e no Jardim São Luiz, 20,4.

O Sou da Paz também usa como base da campanha de desarmamento e conscientização uma pesquisa do Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada) que constatou que a cada 18 armas de fogo retiradas de circulação, uma vida é poupada.

Além do “desarmamento infantil”, a ONG informa que a campanha de entrega de armas verdadeiras é permanente. Os interessados podem entrar em contato com a Guarda Civil Metropolitana pelo telefone 153. Não é preciso se identificar. A pessoa que entrega a arma ainda recebe uma indenização que pode variar de R$ 100 a R$ 300, dependendo do tipo do armamento.

Fonte: http://noticias.r7.com/sao-paulo/noticias/comeca-semana-de-desarmamento-infantil-na-zona-sul-de-sao-paulo-20110411.html

Safernet prorroga inscrições para Concurso InterNética



Para ampliar a participação dos internautas brasileiros, foram prorrogadas as inscrições para o Concurso InterNética, promovido pela Safernet e Childhood Brasil. Dia 29 de abril é a nova data limite para que educadores e alunos possam enviar seus projetos.

O Concurso InterNética é voltado para fomentar o debate sobre o uso ético e seguro da Internet e das Tecnologias de Informação e Comunicação (TICs). Dividido em duas categorias, educadores e estudantes podem mandar sugestões de campanhas, planos de aulas e mini-dicas de prevenção com os temas: Ética no Uso das TICs; Cidadania no Ciberespaço; Sexualidade online; Segurança na Internet.

Os projetos inscritos podem utilizar recursos como áudio, vídeos, desenhos, animações, dinâmicas. Podem participar estudantes e educadores sociais que tenha vínculos com alguma instituição de ensino formal ou espaços alternativos de aprendizado da Sociedade Civil Organizada, Centros de Inclusão Digital, Lan Houses, Institutos ou Fundações.

O Concurso InterNética é Nacional e premiará com Netbooks, Máquinas Fotográficas, MP4 e Pen Drives os melhores projetos inscritos, além de publicar os materiais em um Kit com recursos pedagógicos de referência para ser distribuído em escolas de todo o Brasil.

Para maiores informações, confira o edital do concurso em www.safernet.org.br/concurso ou entre em contato pelo e-mail: concursos@safernet.org.br

Fonte: www.safernet.org.br

Fim do Mundo - Terra passará por readequação visando uma nova vida

Ronaldo Andrade
Todo assessor de imprensa tem como função básica fazer o contato entre a sua empresa e os meios de comunicação para divulgar os atos da mesma, por meio de releases que tem como objetivo destacar ou amenizar ações que possam a vir causar algum tipo repercussão positiva ou negativa.


Sendo assim, me peguei imaginando como seria um release enviado pela assessoria de imprensa do Céu para divulgar o “Fim do Mundo” de uma forma que não alarmasse a população. Veja o resultado!




Terra passará por nova readequação visando uma nova vida
Por Ronaldo Andrade

Renovação! Essa é a palavra que define as ações que o Céu iniciará no próximo dia 21 de dezembro de 2012 que visam uma readequação planetária em busca de soluções para os problemas atuais que afligem a população mundial.

Conforme Jesus Cristo, segundo no comando geral, o objetivo é melhorar as condições do planeta para oferecer uma melhor qualidade de vida para as pessoas que terão a missão de reiniciar o sistema natural da Terra. “Haverá uma pré-seleção para escolhermos as pessoas que permanecerão aqui com a missão de colocar o planeta em funcionamento.

Já as pessoas que não forem escolhidas para este função, também passarão por um processo para que possam ser designadas a setores diferentes, sendo um no andar de cima e outro no andar de baixo”, informou.

O “novo mundo” contará com um novo visual que inclui um remanejamento continental, além de uma área aquática maior do que a atual. “Sabemos que haverá um certo transtorno, porém, toda obra, seja ela de construção ou revitalização, acaba causando esse problema, porém, afirmamos que é por uma boa causa e que o resultado trará uma nova vida para o planeta.

Estamos zerando os problemas e crises existentes para proporcionar uma nova fase, com menos concreto e mais natureza. Temos que recomeçar para corrigir o que há de errado, por isso, estamos proporcionando está possibilidade por um mundo melhor”, afirmou Cristo.

Para esse recomeço, o planeta passará por uma grande limpeza e, para isso, grandes ondas se levantarão dos mares e oceanos para lavar as cidades e acelerar o processo de “faxina”. Além disso, enormes crateras e abismos serão abertas em diversas partes do mundo para receber a sujeira que foi retirada de vários pontos. “Vamos acabar com esse ‘mundo antigo’ para dar espaço a uma nova Terra. O trabalho do meu Pai foi perfeito durante a construção, porém, agora precisa ser revisto para não ficar defasado. Peço para que todos tenham Fé, pois, será uma obra divina”, enfatizou Cristo.

Para obter mais informações sobre essa grande “obra mundial”, os interessados podem se dirigir a uma igreja mais próxima de sua residência para tentar um contato direto com o idealizador do projeto original da Terra.

Ronaldo Andrade é jornalista e assessor de imprensa da Prefeitura de Poá (SP) ronaldoreporter@gmail.com

sexta-feira, 8 de abril de 2011

Geraldo Oliveira, Secretário de Governo de Poá, não lê e nem retorna e-mail

O Secretário de Governo de Poá (SP) Geraldo Oliveira, o qual não faz distinção de ninguém, e procura sempre ser simpático, onde com educação procura atender a todos, ou seja, isto ao vivo.

Mas quando o assunto é internet, a coisa muda, pois enviamos a ele, desde o dia 6 de abril, um e-mail, solicitando informações da postagem neste blog: (http://adilsonsantosfotografo.blogspot.com/2011/04/sera-o-terreno-sujo-da-prefeitura-de.html) - E-mails este enviados para: governo@poa.sp.gov.brgeraldo.oliveira@poa.sp.gov.br - mas não tivemos retorno ainda.

No dia de hoje 08/04/2011 às 11h41 - liguei para o secretário, onde perguntei sobre o e-mail, onde disse que não recebeu, ou seja, não verificou o e-mail.

Ora, se ele é um servidor público, e o sítio da prefeitura divulga para contato, o que esta acontecendo de errado?

Informações erradas no Site da Prefeitura de Poá
Foi então, que para conferir o e-mail, e formas de contato, onde agora por volta das 13h57 liguei para a Secretaria de Governo, constatei que o telefone estava errado, ou seja, liguei para a Secretaria de Governo, e caiu na Secretaria de Habitação.

Foi conferir e vi o erro, ou seja, a Secretaria de Governo, que fica na Avenida Brasil, 198, esta sendo divulgada no site oficial do governo (http://www.poa.sp.gov.br/) com o endereço da Rua Fernando Pinheiro Franco, 188 - Veja as fotos abaixo.

Isto mostra, mais um ato de desrespeito com o munícipe, do prefeito Francisco Pereira de Sousa (PTD) - o Testinha.

Veja:



quinta-feira, 7 de abril de 2011

LUTO! Meus Sentimentos!


Nem a presidente da República do Brasil, Dilma Roussef (PT), agüentou quando se referiu as crianças do Rio de Janeiro, chamando de Brasileirinhos, a qual foi tomada de grande emoção.

Não somente o Rio, mas o Brasil e em várias partes do mundo, pessoas estão lamentado a morta das crianças, vítimas do massacre de hoje (7) de manhã na Escola Municipal Tasso da Silveira, em Realengo, zona norte da cidade.  Onde o atirador, Wellington Menezes de Oliveira, de 23 anos, ex-aluno da escola, matou-se após ser baleado por um policial militar.

Até agora, os mortos cujos nomes foram divulgados são: Karine Chagas de Oliveira, 14 anos; Rafael Pereira da Silva, 14 anos; Milena dos Santos Nascimento, 14 anos; Mariana Rocha de Souza, 12 anos: Larissa dos Santos Atanázio; Bianca Rocha Tavares, 13 anos; Luiza Paula da Silveira, 14 anos; Laryssa Silva Martins, 13 anos; e Géssica Guedes Pereira.


Em nome deles e da família, este blogueiro de de luto.

TRAGÉDIA NO RIO DE JANEIRO - Vídeo mostra desespero de estudantes após tiroteio

Um vídeo amador divulgado na internet mostra o desespero de estudantes e moradores após o tiroteio na Escola Municipal Tasso da Silveira Brasil, que deixou 11 crianças mortas, além do próprio atirador. Na filmagem, em baixa qualidade, é possível ver inúmeros alunos correndo feridos para fora do colégio. Em outro momento, várias pessoas começam a chegar ao local para ajudar e buscar informações.

A  T  E  N  Ç  Ã  O: 


AS CENAS SÃO FORTES, NÃO SÃO RECOMENDADAS PARA MENORES DE IDADE

Assista o vídeo: