ÂNGULO PRODUÇÕES

ÂNGULO PRODUÇÕES
Serviço Profissional de Fotojornalismo e Vídeojornalismo - Informações Ligue (11) 2854-9643

quarta-feira, 28 de março de 2012

Médicos vão debater as novas doenças provocadas pelo uso da internet


O Primeiro Encontro Internacional sobre o uso de Tecnologias da Informação por Crianças e Adolescentes vai discutir os novos problemas da juventude: o tecnostreese e também o cyberbullying.

Ouça a entrevista de Denise Viola, da Rádio MEC.

Ela fala conversa com Evelyn Eisenstein, da Faculdade de Ciências Médicas, da Universidade Estadual do Rio.


Click e Ouça:

Fonte: Agência Brasil

terça-feira, 27 de março de 2012

Venha se manifestar contra a privataria da Cultura!


Ato acontece no dia 3 de abril, terça-feira, no Sindicato dos Engenheiros de SP



As rádios e a TV Cultura de São Paulo se consolidaram historicamente como uma alternativa aos meios de comunicação privados. As rádios AM e FM ficaram conhecidas pela excelente programação de música popular brasileira e de música clássica. A televisão criou alguns dos principais programas de debates de temas nacionais, como o Roda Viva e o Opinião Nacional, e constituiu núcleos de referência na produção de programas infantis e na de musicais, como o Ensaio e o Viola, Minha Viola. As emissoras tornaram-se, apesar dos percalços, um patrimônio da população paulista.

Contudo, nos últimos anos, a TV e as rádios Cultura estão passando por um processo de desmonte e privatização, com a degradação de seu caráter público. Esse e outros fatos se destacam:


  • mais de mil demissões, entre contratados e prestadores de serviço (Pjs);
  • extinção de programas (Zoom, Grandes Momentos do Esporte, Vitrine, Cultura Retrô, Login) e tentativa de extinção do Manos e Minas;
  • demissão da equipe do Entrelinhas e extinção do programa, sem garantias de que ele seja quadro fixo do Metrópolis;
  • aniquilação das equipes da Rádio Cultura e estrangulamento da equipe de jornalismo;
  • enfraquecimento da produção própria de conteúdo, inclusive dos infantis;entrega, sem critérios públicos, de horários na programação para meios de comunicação privados, como a Folha de S.Paulo;
  • cancelamento de contratos de prestação de serviços (TV Justiça, Assembleia e outros);
  • doação da pinacoteca e biblioteca;
  • sucateamento da cenografia, da marcenaria, de maquinaria e efeitos, além do setor de transportes.



Pela sua composição e formato de indicação, o Conselho Curador da Fundação Padre Anchieta não tem a independência necessária para defender a Cultura das ações predatórias vindas de sua própria presidência. Mesmo que tivesse, sobre alguns desses pontos o Conselho Curador da Fundação Padre Anchieta sequer foi consultado.

Não podemos deixar esse patrimônio do povo de São Paulo ser dilapidado, vítima de sucateamento promovido por sucessivas gestões sem compromisso com o interesse público, seriamente agravado na gestão Sayad.

Nesse momento, é preciso afirmar seu caráter público e lutar pelos seguintes pontos:

Contra o desmonte geral da rádio e TV Cultura e pela retomada dos programas.
Em defesa do pluralismo e da diversidade na programação.
Por uma política transparente e democrática para abertura à programação independente, com realização de pitchings e editais.

Pela democratização do Conselho Curador da Fundação Padre Anchieta

Ato contra a Privataria da Cultura

3 de abril, terça-feira, às 19h
Sindicato dos Engenheiros de São Paulo
Rua Genebra, 25 – Centro (ao lado da Câmara Municipal)

Gilberto Maringoni

Hamilton Octavio de Souza

Ivana Jinkings

Joaquim Palhares – Agência Carta Maior

Laurindo Lalo Leal Filho

Luiz Carlos Azenha – blog Vi o Mundo

Luiz Gonzaga Belluzzo

Renato Rovai – Revista Fórum e Presidente da Altercom

Rodrigo Vianna – blog Escrevinhador

Wagner Nabuco – Revista Caros Amigos

Emir Sader

Flávio Aguiar



Altercom - Associação Brasileira de Empresas e Empreendedores da Comunicação

Centro de Estudos da Mídia Alternativa Barão de Itararé

CUT – Central Única dos Trabalhadores

Frente Paulista pela Liberdade de Expressão e o Direito à Comunicação

Intervozes – Coletivo Brasil de Comunicação Social

Fonte: Centro de Estudos Barão de Itararé

segunda-feira, 26 de março de 2012

Feliz Aniversário Poá - Água Poá, a primeira a ser envazada em copo

Senadora Marina Silva bebendo a Água Poá
Hoje é aniversário de Poá, cidade acolhedora, e sendo filho desta cidade, comecei a refletir minha vida aqui, onde os pensamentos passou por minha vida, da infância aos dias atuais.


A cidade hoje é abastada com um bom e grande orçamento, mas mal administrada, onde tem um prefeito que segundo especialistas, tem deixado a desejar no quesito investimento, não priorizando o que é prioridade. Mas isto é outro assunto.

Nasci na cidade de Mogi das Cruzes, morei em Ferraz de Vasconcelos logo quando nasci, mas fui criado em Poá no bairro do Perracine, onde era comum em nossa infância, ir beber água na Fonte Áurea, e segundo minha saudosa tia Izabel, tia da minha também saudosa mãe Elizabeth, a tia Izabel vinha de Ferraz com as cabras, onde trazia para pastar na cidade Kemel, e vez outra trazia os animais para beber água na fonte. E olha que eu era criança, e a tia Izabel já bem de idade contava esta história.

Mas em minha infância, sempre que eu, irmãos, amigos podíamos, íamos na Fonte Área beber água na fonte. E na época das Festas das Orquídeas, também juntos com os aniversários da cidade, como dia 7 de setembro, me lembro dos desfiles cívico militar, onde participei por diversas vezes, onde também toquei muito tempo nas fanfarras da cidade.

E hoje no aniversário de Poá, queria homenagear esta bonita cidade, seu povo maravilhoso, fui buscar em meus arquivos, na web, e achei duas coisas interessantes, que no meu entendimento mostra com uma foto minha, feita por mim, com uma mulher, Marina Silva, exemplo de superação, garra, determinação. Claro que ela não é da cidade, mas gosto desta foto, e para mim tem peso, pois esta mulher é uma das 50 pessoas no mundo, que pode salvar o planeta e nossa água. Sendo assim, faço minha homenagem a cidade, postando esta foto acima.

Água Poá, a primeira a ser envazada em copo

Uma curiosidade também, onde achei na internet, pelo Almanaque blog, é uma imagem do copo da água Poá, sendo a nossa Água Poá a primeira a ser envazada em copo no mundo, veja o que diz:


A água mineral em copo é uma invenção 100% brasileira, surgida em ano impreciso da década de 1970. Seu criador foi Jacques Siekierski, então proprietário da Itap. Ele acreditava tanto no potencial da inovação que propôs à Poá, primeira empresa a quem apresentou a idéia, que só pagasse os equipamentos de acondicionamento, por ele importados, se o lançamento fosse bem sucedido. Por vários anos, até o surgimento das garrafas de PET, a embalagem fechada com uma folha de alumínio predominou no mercado de água mineral no Brasil.

Esta é a minha singela homenagem a Estância Hidromineral de Poá (SP).

Com informações do blog: http://almanaque.blog.br

sábado, 24 de março de 2012

Poaenses, o maior tesouro


Por Jeruza Lisboa Pacheco Reis

A cidade de Poá comemora no dia 26 de março 63 anos de emancipação político-administrativa. É festa na cidade de 17 quilômetros quadrados, que tem pouco mais de 100  mil habitantes e a melhor água da região. Poá tem tudo para ser a princesinha do Alto Tietê. Afinal, seu hino é uma poesia, que retrata a bravura de homens guerreiros e demonstra que, apesar de pequeninho, o município, na humildade, encerra que, “do alto da verde serra trabalha pelo Brasil”.

Trata-se de uma cidade abençoada por Deus e que tem um grande tesouro, além de obras e de cifras: o seu povo!  O município tem gente de verdade, gente batalhadora, gente como a gente e como o padre Eustáquio; como Antônio Carlos Fernandes, o padre Toninho; como o pastor Antônio Castor; como o Walmir da Gileade; como o senhor Lorehy Novazzi, do Abrigo Batuíra; como a dona Olga Picchi Aspásio, da Rede Feminina de Combate ao Câncer de Poá; como a dona Wanda Dambrósio, nossa dama poaense honorária; como a advogada Sidnéia Bueno Costa, uma das forças do Rotary Club da cidade e da Sociedade de Amparo ao Menor "Paulo de Tarso"; como o Ângelo Biancolin, da Associação Comercial e Industrial de Poá (Acip); como o Marcelo Rossi da Contabilidade;  como o Toninho da Floricultura; como a Andréia do Flamengo; como a dona Hilda Roberto; como o Pierry, o Mágico; como a Edinéia da Avon e como a Jerônima do Quixabeira.

Como me esquecer, ainda, do Fernando Rodriguez Molina Júnior, da Denise; do Augusto de Jesus, da Graça; do Azuir Marcolino Cavalcante, da Lau; do Mário Sumirê, da Wanessa; do Lauriston Roberto Ferreira Barros, da Márcia Rossi; ou ainda da primeira-dama de olhos cor do mar, do prefeito que começou como suplente e dos "sempre" secretários municipais Helena Papadopoulos; Miguel Comitre; Geraldo Oliveira; doutor Bio; Marlene de Sant'Anna; Therezinha Rodrigues; Leondir Xidieh; Cláudia Cristina de Deus; Erivânia e Ali Sami El Kadri; Pedro Campos e seu anjinho Pietra; professor Adilson e Simony Massa?

Vale a pena elencar, também, poaenses como Graça, Aline, Aretha e Alethéa Chaia Marques; o presidente do capítulo poaense da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Alcídes Leme da Silva Júnior; da jovem cheia de ideiais Mariana Oliveira; dos blogueiros Anderson Fernandes, Leandro de Jesus, Adilson Santos, Delcimar Ferreira e Saulo Souza; e os igualmente empreendedores Renato Reis; Juliano Filippelli; Dorival Abarca; Elias El Ghossain; Ricardo Andere; Antenorzinho; Marcão da Feira; Maurinho; Beto e Carmonha do Despachante; dona Letícia, sempre bem-vinda; senhora Raquel, a casamenteira; e a eterna chefe de Gabinete Nancy.

Não, não me esqueci das funcionárias públicas "patrimônios" do município, como a Valéria da Administração; a Nilza do Patrimônio, a Jaqueline; a Elizângela dos trigêmeos; a Tânia Castor; a Guiomar do ISS; a Izabel do cafezinho; o Waldir da Obras; a Neusa do agendamento da Saúde; o Jean, o maior prestador de serviço voluntário da Saúde em Poá; a Claudinha da Dívida Ativa; a professora Regina Jacob; a doce Leila; o Sebastião Oliveira; e a dona Amália.

Enfim, poderia ficar nomeando por horas a fio, sem me cansar, as tantas pessoas queridas e especiais que fazem parte de minha história de vida e de nossa pequenina Poá, como Sônia e Luiz Roberto Marthos e Tereza e Antônio Fernandes. E, por todas elas é que continuo sonhando com a cidade de  Poá sempre iluminada, com alegria e cor, com pessoas comprometidas com o bem-estar social e, acima de tudo, com decência e transparência nas políticas públicas de atendimento às demandas esquecidas e que merecem respeito no trato.

Sonho com a cidade abraçando inúmeros projetos sociais - projetos pilotos de vanguarda, como pioneira, avançando sempre e sendo grata a todos os prefeitos que por aqui passaram. Afinal, independentemente de concordar ou não com seus ideais políticos, reconheço que hoje estamos num patamar privilegiado, graças a tudo o que foi empreendido no passado.

Sim, desejo à Poá prosperidade sempre! Sou muito grata ao município por me acolher desde meus 9 anos, por me ensinar a valorizar o que temos, por me permitir namorar, noivar e casar com o Edu, por ter me dado a oportunidade de ter quatro bênçãos (meus filhos João, Elo, Henrique e Estela), por me formar professora, advogada e, agora, por estar vereadora. Obrigada, Poá, por me permitir rir e chorar, mas, acima de tudo, por ter me ensinado a resistir, a persistir e a insistir na vida!

Jeruza Lisboa Pacheco Reis, é  vereadora pelo PTB em Poá e presidente da Comissão Provisória da legenda na cidade; professora e advogada por formação; especialista em Direito Empresarial, Registro Imobiliário e Direito Difuso e Coletivo (com ênfase em Infância e Juventude), Direito Eleitoral, Técnica Legislativa e Terceiro Setor; bacharel em Teologia e mestre em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica (PUC) de São Paulo; membro da Comissão Diocesana em Defesa à Vida do Alto Tietê, catequista e autora do livro "Rosa-Choque - Histórias de uma Mulher que Escolheu Resistir, Persistir e Insistir".

sexta-feira, 23 de março de 2012

Ministério Público diz que cobrança de taxa para fotografar em área pública é ilegal


O Ministério Público do Distrito Federal diz que cobrança de taxa para fotografar em área pública é ilegal.
Beatriz Evaristo

Click e Ouça a Notícia:

Fonte: Agência Brasil 

quinta-feira, 22 de março de 2012

Há 106 anos, foi publicada a primeira foto colorida


O primeiro jornal a publicar uma fotografia colorida foi o Dailly Ilustred Mirror, em 1904. O fato deu credibilidade à notícia e o Mirror passou a ser totalmente ilustrado chegando a vender mais de 400 mil cópias, servindo de referência para os outros jornais. Anos depois, surgiu uma nova profissão, o fotojornalismo.

Apresentação José Carlos Andrade

Click e Ouça:
Fonte: Radioagencia Nacional


quarta-feira, 21 de março de 2012

DesServiço da CPTM continua, e secretário Jurandir pipocou ao vivo com Datena

Não é de hoje que este blogueiro que usa o os trens da CPTM em São Paulo, vem mostrando a precariedade dos trens, maquiado pelo Governo de São Paulo, ou seja, este tempo todo que o PSDB esteve e esta no governo de São Paulo, só avança as obras, às vésperas de eleições, isto já virou jargão e plano de ação.

Quem paga este ônus todo, é o usuário, o pai e mãe de família, mulheres que são até molestadas não só na CPTM, como no Metrô de São Paulo. Até brigas sobre lugares já foi notícia na mídia, e se encontra vídeos no youtube.

Hoje ao vivo na TV Bandeirantes, o Secretário de Transportes Metropolitano do Estado de São Paulo
Jurandir Fernandes tenta justificar o serviço precário dos trens, e Datena questiona ao vivo as constantes quebras de trens da CPTM, e também os constantes problemas do Metro.

E ainda seremos o pais da copa.

Assista os vídeos:


Funcionários da CPTM denunciam falhas nos trens

Os diversos acidentes com trens em São Paulo tem sido cada vez mais frequentes. Para os funcionários, os materiais usados são obsoletos, os trens circulam com o controle automático de velocidade desligado, e muito mais.




Datena fala com Secretário Jurandir 

O apresentador Datena conversou com o entrevistado sobre a demissão do funcionário demitido por erro humano e sobre os outros problemas da CPTM.

domingo, 18 de março de 2012

Álbum de fotos do Baile de Ressaca de Carnaval no Concórdia Poá em 17-03-2012

Baile de Ressaca de Carnaval no Esporte Clube Concórdia em Poá (SP) com a participação com a Banda Vagabundos, DJ Ribamar e convidados e as Mocreias de Poá.

O uso das fotos deverão estar de acordo com a Lei de Direito Autoral nº 9610/98

quinta-feira, 15 de março de 2012

Ameaça por e-mail - Professor ganha direito de conhecer autoria de e-mail ofensivo


A 11ª câmara Cível do TJ/MG concedeu a professor universitário aposentado de Juiz de Fora o direito de saber quem foi o autor de e-mail ofensivo enviado anonimamente a ele. O provedor da conta eletrônica, IG - Internet Group Brasil S/A, terá que disponibilizar ao aposentado os dados cadastrais da conta e o IP, além da latitude, longitude e localização do computador de onde partiu a mensagem.

O professor recebeu, em março do ano passado, mensagem de um endereço eletrônico que continha ofensas, acusações e ameaças. No e-mail, o remetente afirmava que o professor se aposentou fraudulentamente e se apropriou indevidamente de bens de seus pais.

O requerente solicitou ao IG bloqueio da conta e preservação de dados do titular. Por meio de medida cautelar, ele requereu que a empresa fornecesse as informações disponíveis sobre o remetente, para que ele pudesse ser identificado e responsabilizado.

O provedor recorreu sustentando que a mensagem foi apagada e a empresa não possui backup de todo o conteúdo enviado. O IG argumentou ainda que a responsabilidade pelas ofensas não é sua, mas do usuário da conta.

O desembargador relator Wanderley Paiva observou que "embora tenha proteção constitucional, o sigilo das comunicações não pode ser tão absoluto que permita a prática de atividades ilícitas, que poderiam, em razão de sua inviolabilidade, ficar impunes".

Seguiram o mesmo entendimento os desembargadores Selma Marques e Fernando Caldeira Brant.

Processo: 021117-7-10.2011.8.13.0145

Click e Confira fonte e acórdão na integra.

terça-feira, 13 de março de 2012

Relatório sobre Pinheirinho denuncia violência policial

O Conselho de Defesa dos Direitos Humanos de São Paulo divulgou hoje um primeiro relatório sobre a ação da polícia militar na desocupação do Pinheirinho, em São José dos Campos, no interior do estado. Segundo o conselho, os moradores denunciaram dezenas de casos de violência policial, saques de moradias e abuso sexual.


 

sábado, 10 de março de 2012

#Kassab mantém escola com cadeiras quebradas no CEU Azul da Cor do Mar


Cadeira quebrada e carteira suja, por vezea pixada
com palavras de baixo calão
No dia 9 de março de 2012, fui participar da reunião de pais dos meus filhos na CEU EMEF Professora Conceição Aparecida de Jesus, uma de manhã às 9h e outra às 15h.

Nas duas foram entregues aos pais as “Normas de Convivência”, onde os professores já induzem os pais a assinar, mesmo tendo na nas normas de Direitos e Deveres, tópicos que não foram cumpridos pela Secretaria de Educação da Cidade de São Paulo, onde vários pais assinaram, pois em sua grande parte pessoas simples e induzidas pelo condutor da reunião, ou seja, um professor.

Em seu portal, a Secretaria de Educação divulga a programação, CEU É SHOW, mas aqui no Azul da Cor do Mar, o inferno acontece nos finais de semana como em diversas vezes, onde a piscina é invadida nos finais de semana, por falta de um trabalho efetivo da Guarda Civil Metropolitana, onde a responsabilidade da vigilância, fica a cargo dos vigilantes de empresas terceirizada, mas encontrar GCM lendo revistas e jornais, pode acontecer, como já presenciei.

Antes de descer para a reunião da escola, fiz uma reunião com meus filhos, onde procurei saber como estava o andamento da escola. Os quais me disseram que foi entregue a eles o material básico, contendo cadernos, canetas, réguas e afins.

Já os livros para uso diário e uniformes, ainda não foram entregues pela escola, mas pasmem, na reunião, os pais são induzidos a assinar o termo que diz nos Deveres dos Alunos: 

Frequentar as aulas sempre uniformizados. Zelando pelo uniforme escolar.

Chegando a escola, tanto os funcionários das escola, quanto da Gestão do CEU Azul da Cor do Mar, todos sem crachás, apenas o vigilante da portaria do CEU, portava seu crachá. Novamente questionei a gestora Bernadete de Lourdes Álvares Marcelino (smeceuazuldacordomar@prefeitura.sp.gov.br), onde disse que até ela mesma estava sem, onde ressaltei que por diversas vezes já havia cobrado da gestão providência, que nunca vem. Ou seja, neste rincão da Zona Leste, não só parece, mas é terra sem lei.  Onde este departamento da Secretaria de Educação da cidade de São Paulo, induz a deseducação seus alunos, pois não são exemplos. Então que moral tem para cobrar?

No quesito Direito dos alunos, temos também:
Ter garantido o acesso à educação gratuita e de qualidade.

Mas qualidade não é somente no material humano, como nas instalações das escolas, mas no complexo onde nem sempre os elevadores funcionam, lâmpadas das escadas vez outra queimadas e até extintores de incêndio fora dos locais sinalizados, como já presenciei, quando frequentando as reuniões do Conselho Gestor, o qual sou membro.

Já o Telecentro, tem computadores precários, lentos, com serviço de internet também lento.

* Receber educação em uma escola limpa, segura e com equipamento adequados.

Aqui mostra a total falta de responsabilidade com nossas crianças, tanto pelo Prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (gabinetedoprefeito@prefeitura.sp.gov.br), como do Secretário de Educação Alexandre Alves Schneider (smegab@prefeitura.sp.gov.br), e da Diretora Regional de Educação Itaquera Elizabeth Oliveira Dias (smedreitaqueraadm@prefeitura.sp.gov.br), o qual permitem e são coniventes, com a situação, como mostram as fotos abaixo, pois já procurei diversos mecanismos de levar aos servidores público acima, mas o(s) problema(s) continua - Vejam as fotos que fiz hoje pelo celular.
Cadeira com pontas de madeira, que podem causar acidentes nas crianças, as quais soltam ferpas com facilidade.

Carteira e cadeira quebradas e abandonada no fundo da sala de aula onde aconteceu a reunião 
No quesito Direito dos alunos continua:
* Ter assegurado o ingresso e a posse de materiais escolares.
Porém, ainda não foram distribuídos todos os livros, ou seja, meus dois filhos não receberam todos os livros até o momento, sendo que minha filha pediu para eu cobrar da direção da escola, onde fiz ao professor que conduziu a reunião, o qual disse que nada podia fazer. Mas procurei a direção da escola, professor Francisco, o qual não estava, e nem a coordenadora pedagógica no período da manhã. Mas deixei registrado no livro de reclamação da escola. Onde a escola também, não tem um ambiente adequado, para que pais de alunos, possa sentar ou escrever no livro.

Ou seja, outra falta de responsabilidade, pois a escola chama uma reunião de pais e mestres, onde o professor não tem toda resposta, mas onde nem o diretor, muito menos o profissional de pedagogia da escola, não estão la, para tirar duvidas dos pais presentes na reunião. 

É assim que funciona agora a Educação da cidade de São Paulo? 

Este tipo de política esta de acordo com as plataformas da ONU sobre política de educação para um mundo melhor ?

Segundo informações de funcionários da escola, não existem mais espaço físico, para guardar materiais e ou equipamentos, entre eles os livros, cadeiras e carteiras quebradas. E em algumas reuniões com o professor Francisco já conversou e me explicou, que tiveram que fazer já adaptações na escola, em portões, locais de entrada, salas, ou seja, várias adaptações para a funcionabilidade de espaços de trabalho e convivência de alunos e funcionários.

 Também esta no quesito Direito dos alunos:
* Usufruir de ambiente de aprendizado apropriado e incentivador, livre de discriminação, constrangimento ou intolerância.
Nem todos as crianças fazem educação física na quadra coberta e poliesportiva, como minha filha, E.S.S. que faz educação física, desde o começo do ano em sol escaldante, onde reclama que nunca fez na quadra coberta.

Também não sendo confortável, as fotos tiradas no banheiro, mostra que banheiro para portadores de necessidades especiais, é depósito de objetos, veja:
Este é o banheiro para portadores de necessidades especiais, onde o lixo é colocado em  cima do vaso, sendo foco de contaminação, cadeira servindo de apoio para guarda de objeto(s) que esta dentro de um saco de lixo preto, e a papeleira quebrada.
As janelas do banheiro quebradas, com vidros também quebrados, onde os cacos de vidro pode cair a qualquer momento, e causar acidente nas crianças que usam este instrumento público em péssimo estado de conservação
Estado dos banheiro masculino dos meninos
Banheiro masculino com o vaso sanitário o qual aparenta estar quebrado, onde esta envolvido em um saco de lixo preto, porém aberto sem estar isolado, onde todas as fechaduras estão quebradas.
Todos os banheiro não tem fechadura, onde os meninos que queiram usar, estão passivos de bullying e ou situações constrangedora
Os lavatórios não tem sabonete líquido, com toalheiros quebrados, e o rolo de papel fica em cima da pia, onde sem controle, as crianças podem molhar, e desperdiçar, e pelo visto, este é um rolo de papel higiênico, e não um papel toalha.



Conselho Gestor ainda de Férias

Já passou o carnaval o ano começou em todos os sentidos, mas  Conselho Gestor do CEU Azul da Cor do Mar, ainda não foi convocado para seus trabalhos, pois a Gestora Bernadete de Lourdes Álvares Marcelino, não convocou reunião, isto quando não chega atrasada, onde só começa a reunião com a presença dela. Onde pedi para registrar em ata da reunião.

Já passou da hora do Conselho ter feito sua eleição do presidente, e andar com suas pernas próprias, mas o mesmo nunca tem a presença dos funcionários público, que tem cadeiras cativa, ou seja, uma total falta de responsabilidade, com anuência da legislação e gestores da educação da cidade de São Paulo.

Outro problema da gestão, é que no dia 24 de fevereiro de 2012, e no dia de hoje fui até a gestão obter um retorno, onde ainda não obtive uma resposta ou devolutiva do assunto. Outro desdém e falta de respeito com o cidadão, por este departamento pública da Prefeitura de São Paulo.

Será que não querem responder, pois estou questionando uma funcionária que foi mal educada, onde quando subi para pegar o livro de reclamação, a mesma estava sentada em cima da mesa, não portando crachá, sendo um mal exemplo para os colegas e comunidade que frequentam esta unidade de ensino e educação?



Kassab só lembra da periferia em época de eleição

Kassab no dia da inauguração
No final de outubro de 2007, o CEU Azul da Cor do Mar foi inaugurado em Itaquera - Com 12 mil m² de área construída, 41 salas de aula e Bloco Esportivo e Cultural completo recém-construído, o CEU oferece 2.600 vagas de ensino divididas entre Emef, Emei e CEI, sendo também um local de lazer para a comunidade do entorno.

Com 12 mil m² de área construída, 41 salas de aula e Bloco Esportivo e Cultural completo recém-construído, o CEU oferece 2.600 vagas de ensino divididas entre Escola Municipal de Ensino Fundamental (Emef), Escola Municipal de Ensino Infantil (Emei) e Centro de Educação Infantil (CEI), sendo também um local de lazer para a comunidade do entorno, mas sua faixa de pedestre, em frente a escola, foi pintada e sinalizada após 4 anos de inaugurada, outra pouca vergonha do prefeito Gilberto Kassab caro Junji Abe, o qual a mesma somente foi pintada, após muita luta da comunidade.

Quando foi inaugurado, com material novo,
mas com o passar do tempo,
o que tem hoje, como mostra as fotos
 acima, é banheiro quebrado para os meninos
Às vésperas das eleições, Kassab vinha vistoriar, e veio até inaugurar, mas passada a eleição, ele abandonou a escola e comunidade do entorno. Mas neste ano, como é ano de eleição, ele com índice de popularidade baixa, vai voltar a inaugurar obras, e andar pelas periferias e guetos paulistas.

Pois a inclusão social e educativa, é praticada também pelo maior  meio de comunicação do pais, mas também fingi não ver.






Diretoria Regional de Educação Itaquera, o dinheiro da educação passa pelo CEU Azul da Cor do Mar?


Pois no site tem o link: Informações Gerais sobre obras, que informa:

Pela primeira vez em sua história, toda a Rede Municipal de Ensino está passando por um programa de reformas e manutenção. Algumas escolas estavam, há décadas, sem receber as intervenções necessárias em suas estruturas.

Aproximadamente mil escolas foram reformadas em 2007 e todas elas passarão por novas obras, de pequeno, médio ou grande porte, até o fim deste ano. Já foram aplicados mais de R$ 130 milhões nessas obras e devem ser investidos neste ano mais de R$ 60 milhões no programa de manutenção.

Então vem a pergunta:

Caros gestores público, para onde esta indo este dinheiro? Pois as fotos acima falam por si só, sem contar as crianças que são obrigadas a fazer educação física em baixo de sol quente.









Fazendo uma reflexão, mm minha busca sobre o papel da escola, encontrei no facebook de Claudio Domingos Fernandes, o texto abaixo muito interessante que leva a uma grande reflexão


Sobre o Papel da Escola 

“A finalidade de nossa escola é ensinar a repensar o pensamento, a des-saber o sabido e duvidar de sua própria dúvida; esta é a única maneira de começar a acreditar em alguma coisa” (Juan de Mairena, in Morin, Edgar).

A relação Escola – Professor - Aluno se dá em nome do conhecimento. Pois, o conhecimento é uma necessidade que permeia todo o existir humano. O homem busca e necessita saber, faz parte de si, pois, “é próprio do homem buscar ser sempre algo mais do que é, e isto se dá mediante o conhecimento” (Rodner Lúcio). Sem nada conhecer o homem se anula, torna-se um nada; coisa nenhuma. Para isto é a escola, para tirá-lo de sua nulidade, de sua ignorância, de seu não saber; para dar-lhe instrumentos que o possibilite, potencialize-o, no processo de se fazer e Ser. “A escola é um lugar de produção de saber por excelência, é um lugar de transmissão de conhecimento” (Marisa Faermam Eizirik). No entanto, a escola é meio, é passagem, é caminho. Não é fim. Existem outros caminhos, outros meios, que não a escola. Caminhos, por vezes, mais eficientes. Mas caminhos, passagens. O fim é sempre o conhecimento. Mas mesmo o conhecimento é, ainda, meio. Pois o homem, diante de si e do mundo, está sempre por se definir, é em permanente estado de vir-a-ser. O ambiente, as múltiplas relações sociais, o mundo de informações que o toma, a cultura, também lhe plasmam. Mas a ele compete assumir-se, responder por seu destino, pois Sujeito de si mesmo: seu destino é ele quem o forja, seus caminhos é ele quem os escolhe.

Disto concorre que “conhecer é estar constantemente avaliando a existência humana” que segundo Adriano, personagem de Marguerite Yourcenar, acontece mediante três meios: “o estudo de si mesmo, o mais difícil e o mais perigoso, mas também o mais fecundo dos métodos; a observação dos homens, que se arranjam freqüentemente para ocultar-nos seus segredos ou por nos fazer crer que os têm; os livros, com os erros peculiares de perspectiva que surgem entre suas linhas”. Utilizando-se destes meios, a escola propicia um quarto, que prima por sua excelência, o encontro, a relação. Onde, de fato, os homens se encontram se dá o conhecimento.

A escola é, pois, o lugar onde encontro e conhecimento se casam naturalmente. O que amalgama este dois elementos é a linguagem: “Aprender o mundo humano é aprender uma linguagem” (Rubem Alves). É mediante a linguagem que se dá o encontro entre os homens, e, é confabulando que o homem corrige ou afirma, apura, amplia e enriquece seus saberes e a si mesmo.

Por se dar de encontro entre sujeitos, mediado pela linguagem, conhecimento não se dá recitativamente ou por imposição. A linguagem nos envolve num mundo de existências humanas, em tramas constituídas por sonhos, fantasias, desejos, projetos e anseios individuais. Num encontro onde se estabelece o discurso unidirecionado, há o acumulo de informação e o embotamento de mentes. A linguagem educativa é dialética e, por conseguinte, dialogal. Um diálogo embatido, mas, ao mesmo tempo respeitoso, porque considera a diversidade, porque valoriza a autonomia do pensar e a reflexão crítica, porque respeita os tempos de cada sujeito e porque busca o esclarecimento, a Verdade. “O verdadeiro diálogo não pode existir se os que dialogam não se comprometem com o pensamento critico; pensamento que, não aceitando a dicotomia mundo-homem, reconhece entre eles uma inquebrantável solidariedade; pensamento que percebe a realidade como processo de evolução, de transformação, e não como uma entidade estática; pensamento que não se separa da ação, mas que se submerge, sem cessar, na temporalidade, sem medo, sem riscos” (Paulo Freire).

Nesta dinâmica, professores e alunos assumem papel fundamental enquanto agentes do conhecimento, mediados pela linguagem. Ao professor cabe oferecer ao aluno sua capacidade de mapeamento da realidade (Morin), seu poder de reflexão, seus conhecimentos científicos, literários e humanos, ampliando-os constantemente. Ao aluno compete a disponibilidade de se deixar conduzir, a principio, pelos meandros do pensamento critico, até assumir, por si, autonomia de pensar o próprio pensar e questionar-se sobre o mesmo, seus fundamentos e suas implicações político-éticas, avaliando constantemente a existência humana pelo estudo de si mesmo, a observação dos homens ao seu redor e a freqüente visita aos livros e periódicos jornalísticos, especializados, etc.

É neste sentido que a escola tornam-se fundamental no processo por meio do qual o homem se humaniza. Mas é preciso sempre lembrar que ela está a serviço do sujeito, o sujeito não está, de modo algum, restrito a ela.

Claudio Domingos Fernandes
Fotos do prefeito Gilberto Kassab na inauguração do Ceu Azul da Cor do Mar, de Luiz Guadagnoli / Secretaria de Comunicação da Prefeitura de São Paulo


Ministério da Educação Responde sobre a falta de livros na escola CEU EMEF Professora Conceição Aparecida de Jesus




Prezado(a) Sr(a) Adilson dos Santos,

O protocolo de n° 7xxxxx6, foi finalizado em 13/3/2012, às 09:09 pela área responsável.

Solução:

Informamos que os Programas do Livro desenvolvidos por esta Autarquia são distribuídos baseados nos dados oficiais do Censo Escolar fornecidos pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP/MEC e pela escolha realizada no Sistema do Material Didático (SIMAD).

Ressaltamos ainda que os livros são produzidos e distribuídos às unidades escolares que possuem as modalidades de ensino fundamental e médio, diretamente pelas editoras e chegam às escolas entre outubro do ano anterior ao atendimento e o início do ano letivo. Nas zonas rurais, as obras são entregues nas sedes das prefeituras ou das secretarias municipais de educação, que devem efetivar a entrega dos livros. Por fim, uma reserva técnica é encaminhada às Secretarias de Educação nos Municípios, Estados e o Distrito Federal, não ficando esta Autarquia com exemplares e demais materiais (Dicionários, Atlas, etc.) disponíveis para doação e/ou reposição.

Vale ressaltar que o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) também não disponibiliza material para montagem ou reestruturação de bibliotecas, bem como a falta de livros nas unidades escolares.
Para mais detalhes, favor entrar em contato com a Central de Atendimento do Ministério da Educação - Fala, Brasil! pelo 
telefone 0800616161. 

Colocamo-nos à disposição para atendê-lo(a).

sexta-feira, 9 de março de 2012

CAMPANHA: Ronaldo sem a maquininha

Todo dia pela manhã, seja jornalista, fotógrafo, cinegrafista, e até os motoristas, que trabalham em diversos veículos de comunicação, onde acordam cedo, em busca do pão de cada dia, ou um trocadinho para tomar uma cervejinha  nos finais de semana, saem pelas ruas do Alto Tietê (região metropolitana de São Paulo), para trabalharem.

Profissionais e estagiários que estão prontos para reportar os mais diversos fatos, onde por vezes, colocam sua vida em risco, subindo nos mais altos pontos,  onde somo vítimas, até nos intervalos de uma pauta e outra, na hora de um mero lanchinho. de um cara que um dia foi um de nós, fica nos aterrorizando.

Sendo assim caro jornalista Ronaldo Andrade, por favor, já que estamos próximo do fim do mundo, por favor, estou pedindo na boa:

RONALDO - FIQUE SEM A MAQUININHA




Por favor, atenda logo o nosso pedido desta campanha, antes, que a gente junte os seus trapinhos, pijaminhas e cobertor, e mande você para o devido lugar.


Falando sério

Falar do Ronaldo Andrade, é fácil, pois é um cara amigo, companheiro, ótimo profissional, e acima de tudo um grande ser humano, pois como já disse um jornalista, que esta é uma das melhores profissão do mundo.

Este jornalista que teve uma sacada de pegar certos momentos de stress na profissão, onde através do Blog 100 Comunicação, tem integrado os profissionais e simpatizantes da profissão, entre eles políticos, sendo um canal de informação, integração, entretenimento, com pegada profissional, e valorização tanto para os que já estão como os que auspiciam esta carreira.

quinta-feira, 8 de março de 2012

Feliz Dia da Mulher - Pão e Rosas por Cleiton Antônio de Paula

Por Cleiton Antônio de Paula

Nesse dia em que se comemora o dia internacional da mulher, se faz necessário uma análise mais humana da data e não somente congratulações e palavras.

É bem verdade que a mulher tem muito que comemorar em suas liberdades e direitos sociais.

Todavia ainda é necessário um longo caminho a percorrer para que a igualdade tão sonhada seja proclamada pelos quatro cantos do universo.

Notamos um grande avanço nos espaços em que antes eram ocupados somente por homens e hoje vemos o sexo feminino assumindo posições e direcionando metas em busca de um mundo melhor, porém não devemos esquecer que tudo isso aconteceu mais por esforço da própria mulher do que da compreensão do homem em aceitar a capacidade intelectual feminina.

Uma sociedade mais justa e igualitária prescinde da presença feminina em todos os setores, para que caminhando lado á lado possamos sonhar com um mundo melhor com mais carinho e compreensão.

A grandeza de uma sociedade se faz presente pela união de todos em busca de um amanhã melhor.

Entretanto devemos lutar por uma estabilidade financeira onde as mulheres tenham salários justos e dignos sem discriminação para que com dignidade, em nenhuma mesa nunca falte o pão, só assim todos teremos motivos para comemorar e as rosas exalariam o seu verdadeiro perfume não simbolicamente carregadas na mão, mas em cada canto do planeta onde houvesse uma só mulher sentiríamos esse perfume, vindo do fundo do coração.

Cleiton Antônio de Paula é poeta e blogueiro

http://www.cleitonadvogadoepoeta.blogspot.com/





segunda-feira, 5 de março de 2012

domingo, 4 de março de 2012

Poá no #Fantástico da #Globo - Prefeito manda pintar cemitério com as cores da campanha

Poá (SP), uma das cidades mais ricas e mais pobres da Grande São Paulo, pois com o seu orçamento, ou melhor, o seu rico orçamento, com certeza os 17 quilômetros quadrados, eram para ter muito mais qualidade de vida. Mas é pobre no quesito administração pública, tanto no Poder Executivo, quando no Legislativo.

Já passeou da hora do povo tomar um pouco de vergonha na cara, e eleger pessoa capacitadas para administrar a cidade, pois no meio dele tem muitos corruptos passivos. Não sendo diferente em diversas igrejas evangélica, onde pastores praticam; sendo péssimos exemplo para o povo.

Lembro-me que conversando com Júnior da locadora, ele me falou de Amarribo, umas cidade que começou um trabalho de combate a corrupção em Ribeirão Bonito, e tudo aconteceu de forma democrática, sem quebra-quebra, e não para privilegiar só um partido político, mas a cidade por um todo, onde hoje é referencia a nível nacional. Vale a pena cada cidadão conhecer este modo de fazer política, lendo a cartilha - O Combate à Corrupção nas Prefeituras do Brasil.

Desde este final de semana, quando foi feita a chamada do Programa Global Fantástico, as Redes Sociais, e principalmente a Comunidade do Facebook Poá com Acento, choveu de comentários, acusações, defesas, onde o debate esta bem acirrado.

Lembro do comentário do ex-vereador Pedro Campos Fernandes, dizendo que a cidade de Poá com a melhor água do mundo, é destaque nestes desmandos políticos.  Tenho um grande respeito com o povo nordestino, pois sou filho de um, mas o governo executivo local, tem feito política de modo bem populista, usando o mesmo jeito de faze política no nordeste - mostrando que o prefeito Francisco Pereira de Sousa o Testinha, não tem mesmo preparo e nem capacidade de administrar a cidade de Poá .

Resposta da Prefeitura


Foto do wikipedia
Este blogueiro, enviou e-mail a Secretária de Comunicação de Poá, ou seja, onde Testinha mostrando desrespeito ao jornalistas e profissionais de comunicação da cidade, região e pais, funciona sem secretário ou profissional da área, pois são outros bananões que ficam quietinhos. Mas isto é outra história. Foi me enviado o seguinte comunicado:

Referente a matéria que será veiculada neste domingo, dia 04, no Fantástico, a Secretaria de Comunicação de Poá encaminha para os blogueiros, a resposta enviada para a equipe do programa jornalístico. A Secretaria faz questão de enviar a nota também para os blogueiros, pelo trabalho desenvolvido na cidade e na região por vocês, tendo em vista que nós reconhecemos a importância dos seus meios de comunicação.

Nota ao Fantástico

Os equipamentos públicos da cidade de Poá que tiveram suas partes pintadas em laranja,foram suprimidas com RECURSO PESSOAL (do prefeito). Em particular, o cemitério, que também teve parte de sua estrutura pintada dessa referida cor, já foi suprimida há cerca de um ano, portanto a foto que está sendo veiculada, foi feita nesse período.

Acorda Povo - Administração Pública é coisa séria

Uma coisas, é certa, passou da hora do povo acordar, e parar de votar no cara que é legal (às vésperas das eleições, depois muda) do político que um dia levou eu ou alguém da minha família ao médico, ou conseguiu um carro, ou agendou uma consulta furando a fila ou outros tipos de burlações.

Do cara que ajudou o time de futebol do bairro, ou associação de moradores, ou comprou um pedaço de mussarela para a festa da comunidade religiosa.

Do político que contratou a pessoa para fazer boca de urna, mesmo sendo ilegal, afinal, se tem gente que no dia da eleição trabalha para dois, três ou até mais candidatos, e recebe para isto.  Que direito ele tem de cobrar de sua consciência, pois para ela ele já é um vendido.

Ou então, o político é legal, pois arrumou um cargo para um membro de minha família, seja ele em que escalão for, isto não torna ele mais capaz para administrar a cidade.

Acorda povo, lembre-se do que esta escrito no meio da bandeira do Brasil "ORDEM E PROGRESSO", e vamos juntos colocar isto em prática.

Assista a Reportagem do Fantástico
Durante um mês, o Fantástico investigou acusações de prefeituras que usam parte do dinheiro público para tudo, menos para o bem dos cidadãos.

Click Aqui e Assista a Reportagem.

Fotomontagem: Site do Fantástico e foto de Adilson Santos - Proibido o uso sem autorização.

sexta-feira, 2 de março de 2012

Naco Fantasia, você é #Fantástico

Adilson Santos fotógrafo, faz uma homenagem ao cidadão Poaense Naco Fantasia.

Santos, que já foi locutor de rádio, impostando a voz imitando Cid Moreira, fala que o Naco Fantasia é Fantástico.








Click abaixo e ouça

Ministério Público investiga reajuste de políticos em Poá


O Ministério Público de Poá (SP) abriu inquérito para investigar se houve improbidade ou ilegalidade no projeto que reajusta os salários de vereadores, secretários, do prefeito e do vice-prefeito da cidade. O percentual de aumento chega até a 80%.

Os projetos de lei que foram aprovados no dia 24 de fevereiro pela câmara tiveram muita repercussão no município. Com nariz de palhaço, faixas e apitos, os manifestantes fizeram muito barulho antes de a sessão começar.

No caso dos vereadores, o salário vai passar de R$ 6 mil para R$ 10 mil. O prefeito, que ganha R$ 12,5 mil vai passar a receber R$ 22,4 mil.

Na terça-feira (28), os manifestantes foram em passeata até a prefeitura, onde receberam a informação de que o reajuste é legal e que deve ser assinado pelo prefeito Francisco Pereira de Souza, o Testinha.

A representação no Ministério Público foi assinada por várias entidades que representam a comunidade. A responsável pelo inquérito é a promotora Karina Scutti, que já pediu informações à câmara.

O Diário TV entrou em contato com a prefeitura e com a câmara nesta sexta-feira (2), mas foi informada que o prefeito e o presidente do legislativo estão fora da cidade.

Click e Assista o Vídeo:


Fonte: TV Diário

População brasileira desaprova creches públicas


Mais da metade dos brasileiros não aprovam as creches do país.

A cada 100 crianças que precisam de creche, apenas 18 estão matriculadas. É o que revela uma pesquisa de uma ONG que defende o direito das mulheres.

Fonte: Empresa Brasil de Comunicação

quinta-feira, 1 de março de 2012

Câmara de Poá (SP) diz que prefeito acatou aumento de salários, mas prefeitura nega

Deneval Dias o presidente da Câmara não
gostou do manifesto e esbravejou também com os manifestantes

Na noite desta terça-feira (28/02/2012), o presidente da câmara de Poá, Deneval Dias do Nascimento (PRB), disse que o prefeito Francisco Pereira de Souza (PDT), o Testinha, havia acatado o aumento de salários de vereadores, secretários, dele mesmo e do vice-prefeito, apesar de todos os protestos da população. Mas a Secretaria de Administração do município apenas confirmou que os projetos de lei chegaram à administração municipal e ainda aguardam sanção ou veto. Se mantidos, os novos valores passam a vigorar a partir do próximo mandato.

Douglas do Psol em entrevista à TV Diário
O prefeito estava viajando nesta terça-feira (28), quando manifestantes de rostos pintados do Psol de Poá, seguiram em passeata até o prédio da administração municipal com esperança de que os projetos de lei aprovados pelos vereadores fossem vetados pelo chefe do Executivo. Eles não sabiam, porém, que o prefeito já tinha decido por manter os aumentos entregaram um manifesto para o secretário de Governo, Geraldo Oliveira.

Os participantes do protesto também seguiram para a sessão da câmara, onde os vereadores deram várias justificativas para a medida, entre elas as dificuldades do trabalho de um parlamentar. Não se pode julgar o trabalho de uma câmara inteira apenas por uma sessão, mas nesta terça-feira os vereadores apenas discutiram dois assuntos em menos de 40 minutos: um projeto que prevê a declaração de utilidade pública de uma associação de e outro que trata sobre a entrega de uma honra ao mérito.
Cartaz com charge do prefeito Testinha feito por um dos manifestantes

Para aumentar ainda mais os gastos, em 2013 o número de cadeiras câmara também vai ser maior, passando de 11 para 17. Os vereadores vão custar R$ 2,4 milhões por ano.


A aprovação do aumento 

Pessolistas ficaram de costas para os vereadores
A sessão em que os aumentos foram aprovados foi realizada na sexta-feira (24) e também teve a participação de muitos manifestantes. O reajuste que vale para vereadores, secretários municiais, prefeito e vice-prefeito, chega, em média, a 80%.

Pela proposta, o salário dos secretários passará de R$ 7 mil para R$ 12 mil. Já os vereadores que ganham R$ 5,9 mil passarão a receber R$ 10 mil. O salário do prefeito aumentará de R$ 12,5 mil para R$ 22,4 mil.

A decisão foi dividida de acordo com os cargos. O presidente da câmara não tem direito a voto, a não ser em caso de desempate.

Votaram a favor dos reajustes para todos os cargos:
Augusto de Jesus (PRB)
Edison Rodrigues (DEM)
Lauriston Barros (PV)
Luiz Antônio Oliveira (PDT), o Tonho
Marquinho da Indaiá (PDT)
Mário Sumirê (PSD)

Votaram contra o aumento para todos os cargos:
Jeruza Lisboa Reis (PTB)
Fernando Molina Júnior (PR), o Júnior da Locadora
Ricardo Massa (PP)

O vereador Azuir Cavalcante (PTB) votou contra o reajuste para vereadores, prefeito e vice-prefeito, mas foi a favor dos aumentos para os secretários.

O blogueiro Adilson Santos, já tinha entrado na Justiça, contra os gastos da Câmara, onde pediu na época a redução de vereadores - Assista o vídeo


Assista o vídeo do manifesto dos Pessolistas de Poá



Assista a reportagem que foi veiculada na TV Diário, afiliada da #RedeGlobo


Fonte: TV Diário / Fotos: Adilson Santos