ÂNGULO PRODUÇÕES

ÂNGULO PRODUÇÕES
Serviço Profissional de Fotojornalismo e Vídeojornalismo - Informações Ligue (11) 2854-9643

terça-feira, 5 de novembro de 2013

Exposição Cultural “Sabe o nome da igreja?” vai homenagear o crescimento e a criatividade do povo evangélico no Brasil em Setembro de 2014

O fotógrafo Adilson Santos e a cineasta Luciana Mazza
Num passeio pelas ruas das principais cidades brasileiras, qualquer pessoa há de ficar impressionada com a quantidade de igrejas evangélicas.

São templos, pontos-de-pregação, salas, portinhas, com direito a “Pronto-Socorro Espiritual” e até “Drive-Thru”, onde as pessoas passam rapidinho com os carros, recebem a oração do dia e vão embora.

Mas, no geral, são lugares onde o povo de Deus se reúne para congregar e exercer a sua fé. Símbolo da expansão do segmento evangélico na sociedade brasileira, a proliferação de igrejas, se por um lado possibilita a disseminação da Palavra de Deus, por outro, gera situações curiosas.

Há ruas com vários templos e até mesmo congregações que funcionam coladas, parede-a-parede. Agora, interessante, é conferir o nome de algumas igrejas.

Existe, por exemplo, Igreja Dekanthalabassi, Igreja A Serpente de Moisés Aquela Que Engoliu As Outras, Igreja Pentecostal Jesus Vem Você Fica, Igreja Evangélica Pentecostal A última Embarcação Para Cristo, Igreja Chave do Éden, Igreja Evangélica Batista Barranco Sagrado, Igreja Caverna do Rock, Igreja Batista A Paz Do Senhor, entre muitas outras.

Podemos falar a exacerbada e muitas vezes bem-humorada criatividade de tais nomes, mas o fato é que os aproximadamente 55 milhões de evangélicos brasileiros têm à disposição uma variadíssima relação de opções para filiação religiosa.

Curiosos, imaginativos, os nomes de igrejas, digamos, originais, compõem uma extensa lista: há, por exemplo, a Igreja Pentecostal Alarido de Deus, de Anápolis (GO); a Igreja Evangélica Deus Pentecostal da Profecia, de São Mateus (ES), que não deixa dúvidas sobre o caráter avivado do povo que se reúne ali; ou, ainda, a Igreja Evangélica Vida Profunda, de Itaperuna (RJ), onde a pessoa, já na entrada, recebe um estímulo para deixar de lado a superficialidade na sua relação com Deus.

Já a Igreja da Revelação Rápida parece ter sido feita de encomenda para os fiéis mais apressadinhos. Existem muitas outras, quase sempre pequenas denominações pentecostais dirigidas por líderes, onde o que vale é a espontaneidade litúrgica e a fé cristã.

Por esse motivo o Salão Internacional Gospel, que acontece de 18 a 20 de Setembro de 2014 junto com a Feira Literária Internacional Cristã , apresenta a Exposição Cultural "Sabe o nome da igreja?". Os curadores são o fotógrafo Adilson Santos e a jornalista e cineasta Luciana Mazza. "A ideia é fazer uma homenagem com respeito e bom humor a expansão dos evangélicos, das igrejas e de seus pastores. Lembrar que é importante congregar, que é fundamental frequentar a casa do Pai Celestial, independente do nome que tenha.

Por fim, a exposição pretende provar que nesse Brasil cada vez mais evangélico só não vai à igreja quem realmente não quer", explanam Adilson e Mazza. Quem desejar visitar a Exposição “Sabe o nome da igreja?” a entrada é gratuita, assim como o acesso às duas feiras, Feira Literária Internacional Cristã (FLIC) e Salão Internacional Gospel, no Centro de Exposições Imigrantes, em São Paulo.

Se você esta na Baixada Santista, ou na região da Grande São Paulo, e quer ver a nome de alguma igreja fotografada, envie o endereço para os e-mails: fotocomadilson@gmail.com ou mr1assessoriadeimprensa@gmail.com.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação e interação, o seu comentário será avaliado, para depois ser postado.

Continue postando os seus comentário.